terça-feira, 26 de maio de 2015

Vai faltar água em BH

Será que vai ser necessário faltar água primeiro para que possamos ter a consciência de que precisamos economizá-la? Ou teremos que esperar o reajuste da cobrança no consumo de água para termos essa consciência? Até onde eu sabia, éramos considerados os seres (o ser humano) mais inteligentes do planeta, mas parece que não é bem assim...

Alerta na principal fonte de abastecimento de água de Belo Horizonte, de onde vem 60% da água que chega às torneiras da capital. Caso se repita por mais três dias as vazões registradas desde o último dia 1º, o manancial entrará em Estado de Atenção, segundo as especificações da Norma Técnica 49, do Conselho Estadual de Recursos Hídricos. Essa situação ocorre quando o corpo d’água chega a vazões inferiores a 200% do nível mais baixo medido nos últimos 10 anos, em sete dias consecutivos. Essa fase ainda não resulta em restrição de captações de água, mas adverte os usuários para a ameaça de que isso ocorra. 

A situação só acelera a necessidade de mais intervenções pela Copasa e pela Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário do Estado de Minas Gerais (Arsae-MG), que deve iniciar as consultas públicas para a sobretaxa de consumo.